o bibliotecário 2.0 (SP1)

Service Pack 1


  • Facebook

    O Bibliotecário 2.0 on Facebook
  • Outros Blogues


    oitenta e cinco. Get yours at bighugelabs.com/flickr
  • RSS O outro blogue

    • Hello world! 2018/06/25
      Welcome to WordPress. This is your first post. Edit or delete it, then start writing!
      pressuser
  • Comentários

  • Arquivos Temáticos

  • Arquivo Mensal

Entrevista Newsletter CI: O que é a Web 2.0

Publicado por Julio Anjos em 2009, 10 de Agosto

Newsletter CI: No número anterior entrevistamos Pedro Príncipe, autor do blogue “Rato de Biblioteca”, e acabamos por abordar um pouco a temática da web 2.0. Kanken Kids UK No entanto, gostaríamos de a abordar mais profundamente. Tendo em conta que o nosso público-alvo é bastante generalizado mas que conta com novos alunos da área, explique-nos por favor o que é a web 2.0. Júlio dos Anjos: Concebo Web 2.0 como a denominação normalizada para um fenómeno social na utilização da web em que a interacção entre os utilizadores se caracteriza por um alto nível de partilha e colaboração. air max 1 og Uma parte fundamental desta Web 2.0 é a capacidade de qualquer pessoa poder publicar conteúdos na Web, de um modo fácil. nike air max 90 femme gris rose O fenómeno começa por se concretizar com a possibilidade de expressão de opinião pelos “consumidores” com a simples indicação de “gostei/não gostei”; evolui para a expressão de “gostei x numa escala de 0 a 5”; e, finalmente, atinge a capacidade de exprimir opiniões, publicadas ao lado da obra avaliada, ou qualquer manifestação conexa. A pioneira deste fenómeno é a Amazon, que foi também o primeiro grande exemplo de capitalização da opinião dos utilizadores. Kanken NO.2 UK Já a Google, muito antes, começara a “aproveitar” a actividade de todos os webmasters, usando os termos contidos nos links para um determinado recurso, enriquecendo os seus meta-dados. Assim, todo o material na web tornou-se “encontrável” não apenas pelo seu conteúdo (problema de indexação e recuperação de texto integral há muito resolvido) mas também pelo que se dizia acerca dele na Web. Este salto quântico na “findability” nunca foi possível nas bibliotecas ou nos arquivos: teria sido necessário que as bibliotecas usassem todos os rabiscos encontrados escritos nas margens de cada livro para enriquecer o catálogo. nike air max 90 pas cher A disseminação e generalização de acesso à internet por banda larga potenciaram a participação generalizada do público com a distribuição maciça de conteúdos pelos internautas, para consumo de outros internautas. Este fenómeno começou por revelar-se no Flickr e tem o seu apogeu nos valores recentemente divulgados pelo YouTube: por minuto são recebidas 13 horas de vídeos! (http://googleblog.blogspot.com/2008/09/future-of-online-video.html).

Sobre Entrevista NewsLetter CI | Comente!... »

Entrevista Newsletter CI: Quem é Julio dos Anjos

Publicado por Julio Anjos em 2009, 10 de Agosto

Newsletter CI: Dando seguimento à entrevista do número passado (nº3, com Pedro príncipe), continuamos a abordar um pouco a temática da web 2.0., desta vez com Júlio dos Anjos, autor do blogue Bibliotecário 2.0. basket nike Júlio, agradecemos antes de mais a sua disponibilidade e o facto de ter aceite contribuir para a Newsletter de CI. Mochilas Fjallraven Kanken Big Comecemos por uma breve biografia sua. Júlio dos Anjos: Júlio dos Anjos é um profissional de TIC com experiência na área desde 1980 (1º computador), exercendo actividade profissional em TIC desde 1982 (1º emprego em computadores), e área das documentação-informação desde 1990, quando co-funda e assume o cargo de director técnico da Lusodoc. nike mercurial vapor Em 2004 iniciou a “aventura” de obter uma licenciatura em Ciências da Documentação e Informação, tendo-se inscrito e frequentado a Licenciatura de CTDI da ESEIG. Está neste momento a frequentar a Pós Graduação em Sistemas de Informação do Instituto Superior Técnico. nike cortez É editor de vários blogues, entre eles o “Bibliotecário 2.0 (RC)”, fundado em Maio de 2006, e é o criador do serviço “Bibliorandum”. nike air max 1 É membro da INCITE desde 2004, tendo participado na sua direcção, onde presentemente desempenha o cargo de Vice-Presidente.

Sobre Entrevista NewsLetter CI | Comente!... »

Vou à SLA 2009

Publicado por Julio Anjos em 2009, 9 de Agosto

Os factores necessários alinharam para que eu possa vir a estar presente na edição 2009 da Conferência Anual da SLA,

Sobre Misc | Comente!... »

Twiteer

Publicado por Julio Anjos em 2009, 9 de Agosto

09-03-2009 13-09-08

Sim… também estou no twitter…

Duas dicas:

Criem e “sigam” pesquisas sobre temas do vosso interesse:

Eu tenho um “follow” de pesquisa sobre Biblioteca e adoro ver a vida que ainda tem o conceito de “biblioteca” como lugar onde se vai e onde se está.

09-03-2009 13-14-03

Tenho outro “follow” sobre a pesquisa do termo “ISCTE” onde pretendo vir a tirar uma pós-graduação, Fjallraven Kanken Sale UK e tem-se revelado uma fonte de “intelligence” sobre a instituição como haverá poucas,

Sobre Misc | 3 Comentários »

VII Jornadas da Ciência da Informação

Publicado por Julio Anjos em 2009, 9 de Agosto

PS: Correcção às 13:05 – Este é o Programa Provisório…

PPS: Que se lixe,

Sobre Misc | 1 Comentário »

POSI – Reflexão: Arquitectura Empresarial

Publicado por Julio Anjos em 2009, 9 de Agosto

A vertente “System Architect” foi bastante interessante e frutífera. nike air max flyknit 2017

Demonstrou-me que há muitos informáticos a tentar fazer o trabalho de cientistas e técnicos de informação, com resultados muito aquém do possível, Fjallraven Kanken Classic porque não têm bases teóricas nas ciências da informação (não lêem, nem conhecem,  Lancaster ou Malheiro), Fjallraven Kanken Kids Backpack ao mesmo tempo que me confirmou que há muitos cientistas e técnicos de informação a fazer trabalho medíocre porque não têm ferramentas práticas (System Architect por exemplo) e técnicas desenvolvidas à volta de Business Process Management pelos engenheiros do IST.

O facto de não ter memória de ter visto uma matriz CRUD em GIA (na ESEIG) provoca-me ainda muito pesar. fjallraven kanken uk Mas acho que a ideia de a aplicar na análise de informação gerada numa empresa ser invenção do IST.

 

09-04-2009 11-58-41

In: BPB-SOA e SOP: uma Framework e Metodologia para SOA orientado ao negócio -  Autoria de "Link Consulting, nike air huarache avis S.A." (Armando Vieira, Pedro Sousa, Kanken Big UK et.

Sobre POSI-X | Comente!... »

POSI – Reflexão: ANÁLISE DE DECISÃO

Publicado por Julio Anjos em 2009, 9 de Agosto

As duas aulas com o Professor Bana e Costa, Fjällräven Kånken nos seminários do terceiro trimestre, nike flyknit lunar foram também daquelas que transmitiram conhecimento novo, Fjallraven Kanken Backpacks Sale UK mudaram atitudes e foi porventura a única que teve momentos “jaw dropping”.

A condição de JAVArdo de serviço impediu-me de participar com mais tempo e neurónios no trabalho de grupo realizado sobre o assunto que consistiu, no meu grupo, na procura de uma decisão para a minha indecisão, Mochilas Kanken Baratas premente na altura, entre as diversas escolhas disponíveis de pós-graduação em Gestão.

Objectivos:
A capacidade de tomar decisões é apontada pela maioria dos executivos de topo nas organizações como o atributo mais importante para uma gestão bem sucedida. O objectivo da disciplina de Análise da Decisão é ensinar métodos para ajudar a melhorar a tomada de decisões nas organizações públicas e privadas, na indústria e nos serviços, em problemas complexos de contextos diversos: de incerteza, Basket nike 2018 de risco, de múltiplos objectivos, de avaliação de estratégias alternativas, de alocação de recursos, Mochilas Fjallraven Kanken Mini de decisão em grupo,

Sobre POSI-X | Comente!... »